Pesquisa Secovi: 2020 supera os resultados de 2019 na venda de imóveis novos - Apê11

Pesquisa Secovi: 2020 supera os resultados de 2019 na venda de imóveis novos

Por Natasha Meneguelli em 12 de fevereiro de 2021

A Pesquisa do Mercado Imobiliário do Secovi-SP de dezembro trouxe os resultados de 2020 em relação a 2019. Os números apontaram um aumento de 4,5% das vendas de imóveis residenciais novos de um ano para o outro, o que foi considerado relevante por conta dos desafios trazidos pela pandemia. 


Como foi o mercado de imóveis residenciais novos em 2020?

No ano de 2020, o mercado imobiliário de unidades residenciais novas passou por situações que aumentaram e diminuíram a comercialização ao longo dos meses. Entenda o saldo total comparado ao ano anterior, de 2019, para vendas, lançamentos e ofertas.


Vendas

Foram comercializadas em 2020 na cidade de São Paulo 51.417 imóveis residenciais novos, número 4,5% superior aos resultados de 2019 (49.224). De acordo com o Secovi, o saldo positivo surpreendeu e superou as expectativas para um ano de adversidades por conta da pandemia do Covid-19. 

Os destaques de vendas foram os imóveis de 2 dormitórios, com área útil entre 30 m² e 45 m² e preços de até R$ 240 mil.


Lançamentos

Os lançamentos de unidades novas chegaram a 59.978 na capital, com maior movimento percebido no último trimestre, quando foram lançadas 33,5 mil unidades. Neste caso o volume ficou abaixo das 65.312 unidades lançadas em 2019.


Oferta

Também foi registrado a quantidade de oferta disponível, que são os imóveis lançados mas ainda não vendidos, também conhecidos  como estoque das incorporadoras. De acordo com a pesquisa, dezembro de 2020 encerrou com 46.948 unidades residenciais disponíveis para vendas, o equivalente a 11 meses de vendas, considerando-se a média de vendas do ano.


pesquisa secovi dezembro 2020


Quais os principais resultados da compra e venda de imóveis novos para dezembro de 2020?

O levantamento do Secovi apontou que a cidade de São Paulo comercializou 8.799 imóveis residenciais novos em dezembro de 2020, valor 103,2% acima em relação a novembro do mesmo ano. Além disso, também foi 26,1% maior que as 6.980 unidades comercializadas em dezembro de 2019.

Os lançamentos chegaram a 22.584 unidades residenciais, número 380,7% superior ao apurado em novembro do mesmo ano e 77,8% acima do total de dezembro de 2019.


Análise por segmentos

  • Dormitórios: O destaque continua sendo para os imóveis de 2 dormitórios, em todos os indicadores: vendas (4.644 unidades), oferta (26.228 unidades) e unidades lançadas (11.821 unidades). 
  • Área útil: as unidades da faixa de 30 m² e 45 m² de área útil lideram nos indicadores de vendas (4.393 unidades), oferta (24.209 unidades) e lançamentos (12.196 unidades). 
  • Faixa de preço: os imóveis com valor de até R$ 240 mil lideraram com os melhores indicadores de vendas (3.647 unidades), de oferta final (24.497 unidades) e de lançamentos (10.771 unidades).
  • Zonas da cidade: a Zona Sul da cidade de São Paulo continua tendo o melhor desempenho de vendas (3.313 unidades), lançamentos (9.026 unidades) e quantidade de imóveis em oferta (16.961 unidades).
  • Econômicos: foram 3.547 unidades vendidas e 10.248 unidades lançadas, e a oferta totalizou 24.496 unidades disponíveis para venda.


Quais as expectativas do Secovi para 2021?

O Secovi colocou como expectativas para 2021 a permanência do bom desempenho, com crescimento estimado de aproximadamente 5% a 10% em relação aos resultados de 2020. 

Contudo, eles apontaram algumas condições para que isso aconteça, como taxas de juros baixa, crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) e controle da inflação. Como já mencionamos no artigo sobre previsões para 2021, é difícil que a Taxa Selic, utilizada como base para as de juros, se mantenha no mesmo patamar que atualmente, 2% ao ano. Ainda, há o número de desempregados e as adaptações por conta da continuidade da pandemia, que influenciam no PIB e na inflação. 

bom momento de investir em imóveis

Como saber se o momento da economia é bom pa...

19 de fevereiro de 2021

Para saber se o momento da economia é bom para investir em imóveis, é essencial realizar uma boa pesquisa e...

Continue lendo

ape11 no estadao

Apê11 no Estadão: Com Selic em baixa, invest...

17 de fevereiro de 2021

Leia na íntegra a reportagem do E-Investidor do Estadão com dados compilados da Apê11 e entrevista com Leonardo...

Continue lendo

investir em imoveis

Imóvel abaixo do preço da região: o que você...

8 de fevereiro de 2021

O imóvel abaixo do preço da região faz parte de uma das teses de investimento mais comuns no mercado...

Continue lendo

Comece agora

Compre e venda casas e apartamentos de
um jeito simples, econômico e transparente.

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.