O que há de novo na página de investimento em imóveis da Apê11?

Por Natasha Meneguelli em 13 de janeiro de 2021

Se você quer investir em imóveis pela primeira vez em 2021, ou se já está neste mercado há um tempo, deve ter percebido que nem sempre você encontra o que procura nas plataformas de busca de casas e apartamentos para venda. Muitas delas são pensadas apenas para quem quer comprar para morar. 

Pensando nisso, a equipe de tecnologia da Apê11 preparou uma página pensada especialmente para os investidores, com o catálogo dos imóveis organizado a partir das teses de investimento, da localização e do preço. 


Quais as novidades da página de investimento em imóveis?

A plataforma para investidores da Apê11 tem como objetivo selecionar as melhores oportunidades de investimento imobiliário de acordo com as suas preferências ou teses. Para isso, nós comparamos preços de casas e apartamentos similares e condições de mercado, trazendo informações relevantes para que você possa encontrar, com mais facilidade, imóveis que se adequem ao seu perfil como investidor. 

Você pode investir em imóveis tanto para conquistar renda de aluguel quanto para uma futura revenda, com lucro imobiliário. Outro aspecto relevante do investimento em ativos imobiliários é a proteção contra a inflação. 


Quais as teses de investimento?

Elas são divididas de acordo com o tipo ou estado do imóvel e o que ele traz para o investidor:


Abaixo do preço da região

Estes apartamentos são para investidores que buscam a valorização do imóvel adquirido com reformas, compatibilizando o preço futuro com o valor de mercado da região. A classificação se dá a partir da mediana do entorno da casa ou apartamento, um sistema que já possuímos desde o lançamento da Lupa Apê11.  


Na planta ou em construção

Investidores com essa tese buscam captar ganhos no preço do imóvel durante o período de construção. Isto ocorre porque, apesar do apartamento em si ter um valor menor de investimento inicial nesses casos, ele costuma ter um bom potencial de valorização. 


investir em imoveis ape11


Para reforma

Os imóveis para reforma são, normalmente, os usados. Eles costumam necessitar de reparo e manutenção para atualização dos sistemas elétrico e hidráulico, e de alguns detalhes como troca de torneiras e pintura. Nesse caso, a vantagem para os investidores está na tese dos ganhos de capital com a redução da depreciação do imóvel. 


Remanescentes de incorporadoras

O principal destes imóveis é o desconto comercial dos apartamentos, já que são imóveis que “sobraram” das incorporadoras. Eles são novos, respeitando os aspectos mais valorizados atualmente, mas podem precisar de acabamentos.


Usados que baixaram de preço nos últimos 60 dias

São, literalmente, os imóveis com desconto. Essas oportunidades costumam ser pontuais, e a origem delas podem ser a pressa do vendedor em conseguir a liquidez que procura, o ajuste de preço devido à região ou perfil do imóvel, ou até a necessidade de alguma reforma ou reparo com os quais o proprietário não quer arcar.


Por que aumentou o número de interessados em investir em imóveis?

“Percebemos essa mudança nas buscas feitas dentro da nossa plataforma, nas visitas aos imóveis e, principalmente, na negociação mais dura”, explica Leonardo Azevedo, cofundador da Apê11. Os critérios para compra costumam ser mais objetivos quando o objetivo é o investimento imobiliário. 

O crescimento de pessoas com perfil de investidor no bimestre que compreende setembro e outubro de 2020, comparado com o bimestre anterior, foi de 115%. Esse perfil passou a representar cerca de 37% dos interessados em adquirir imóveis no nosso balcão digital.

“O aumento do interesse em investir em imóveis pode ser associado também aos efeitos colaterais da pandemia na economia, com queda significativa da remuneração dos investimentos financeiros, especialmente aqueles de menor risco. Isso tem alterado os mandatos de liquidez dos portfólios de investimento, e os imóveis passam a ocupar uma parcela maior desses portfólios”, afirma Leonardo. 

Além disso, os resultados do mercado imobiliário em 2020 foram significativamente positivos. Apesar dos impactos da pandemia no primeiro semestre do ano, o setor conseguiu se recuperar. Uma das razões para isso foi o corte na Taxa Selic, que aconteceu no começo de agosto, chegando a 2%. Logo depois houve aumento no número de financiamentos de imóveis, assim como na venda de unidades residenciais. 

parceiro ape11

Quais as vantagens de ser um parceiro de int...

15 de janeiro de 2021

A Apê11 tem como um dos seus grandes objetivos combinar o melhor da tecnologia com o melhor das pessoas. Por isso,...

Continue lendo

fundo de investimento imobiliario

Fundos de investimento imobiliário: o que sã...

8 de janeiro de 2021

Os fundos de investimento imobiliário fazem parte de um dos setores que continuou crescendo durante 2020, mesmo...

Continue lendo

ape11 no estadao

Apê11 no Estadão: Setor imobiliário dribla o...

6 de janeiro de 2021

Leia a reportagem do dia 28 de dezembro e a nota do dia 25 que saíram no jornal O Estado de S. Paulo com dados e...

Continue lendo

Comece agora

Compre e venda casas e apartamentos de
um jeito simples, econômico e transparente.

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.